"7 Sucos Super Detox Para Você Queimar Gordura No Piloto Automático"

Coloque seu email abaixo para fazer o download:

Respeitamos sua privacidade.

Abdominais para perder barriga

A barriga entrou no rol das partes do corpo, então é hora de abdominais para perder a barriga. Tanto masculina, quanto feminina que merecem uma atenção mais especial nos últimos anos.

Diversos tipos de pessoas das mais diferentes profissões e pessoalidades buscam por meio da chamada barriga de “tanquinho” alcançar admiração e status perante seus semelhantes.

Mas tal tarefe não se resume a apenas fazer abdominais para resolver o problema: para de fato perder barriga é preciso perder primeiro a camada de gordura que se acumulou na parte abdominal, chamada gordura central.

Os exercícios abdominais buscam em verdade o fortalecimento e a tonificação dos músculos, e não queimar calorias.

Fazer esse exercício com o objetivo de perder peso está perdendo na verdade é tempo. Sendo assim para que os músculos da barriga sejam definidos e aparentes, é preciso antes de qualquer coisa perder a camada de gordura acumulada na região da barriga.

Porém alguns cuidados são necessários.

Leia também: Exercícios para fortalecer o abdômen depois do parto

ABDOMINAIS PARA PERDER BARRIGA

Os exercícios abdominais não devem ser realizados todos os dias. Pois pode haver sobrecarrega a musculatura, originando dores e lesões que prejudicam o programa de exercícios.

7 Sucos super detox para você queimar gordura no piloto automático!

Coloque seu email abaixo para fazer o download imediato:

Abdominais para perder barriga

De forma geral as pessoas que procuram fazer todos os dias com pressa de ficar com a barriga definida passam semanas lesionadas.

E mais, é preciso diversificar os tipos de abdominal para se obter uma barriga bem definida: cada modalidade de abdominal trabalha uma parte da barriga.

Desde o clássico até o feito com as pernas elevadas, todos têm um melhoramento para um músculo determinado da barriga.

Leia também: Sucos detox que desintoxicam seu organismo e fazem-no queimar gordura

ABDOMINAL TRADICIONAL

Começar pelo básico sempre é bom.  

Esse é o tipo de abdominal mais indicado. Devido ao movimento ser simples e intuitivo, diminui a chance de se movimentar errado e não ter resultados efetivos.

Exercícios simples para fazer em casa e queimar gordura rapidamente.

O primeiro passo é ficar deitado com as costas apoiadas no chão, e com as pernas flexionadas, com os joelhos apontando para cima e com os pés apoiados no chão.

Em seguida, basta levantar a parte superior do corpo apenas com o esforço dos músculos abdominais, sem pressa ou sem tentar encostar o peito nos joelhos flexionados.

Fazendo uso dessas dicas, é mais plausível que só o abdômen esteja sendo trabalhado.

O abdominal tradicional trabalha especialmente a parte superior do abdômen, tanto por causa da respiração quanto pelo movimento do corpo.

Um bom número de abdominais desse tipo indicado para cada pessoa é em torno de três séries de 25 flexões a cada dois dias.

Uma técnica eficiente para saber quantas flexões deveu fazer é a seguinte: fazer o máximo de abdominais que conseguir sem parar.

Uma boa forma de mediar isso é contar o número de flexões e o dividi-la por dois. Logo depois disso, fazer três séries desse número.

Exemplo: se a pessoa consegue fazer 30 flexões sem parar, ela é capaz de fazer três séries de 15 sem ficar sobrecarregada.

Leia também: O que são e para que servem os suplementos alimentares?

O ABDOMINAL OBLÍQUO (PERNA CRUZADA)

Esse tipo de atividade física deve ser feita por aqueles que buscam tonificar nomeadamente a parte lateral, também chamada de musculatura oblíqua, do abdômen.

Utilize abdominal com perna cruzada e sinta os efeito.

Não é simples de ser feito, mas não é tão custoso quanto o abdominal com perna elevada e o com apoio.

Por mais que a concentração na contração muscular seja imperativa em todos os tipos de abdominal, para o obliquo o zelo deve ser dobrado visto se se tratar de um movimento complexo, que abarca perna, braços e barriga, é normal que as pessoas estejam puxando a cabeça com os braços no final da atividade.

De início flexionar e cruzar uma perna por cima da outra, apoiando a panturrilha de uma das pernas no joelho da outra.

Mantenha um braço atrás da nuca e outro estendido do lado do corpo. O braço flexionado deve estar do lado contrário da perna dobrada.

Depois de encontrar-se nessa posição, faça a elevação como se estivesse procurando encostar o cotovelo do braço que está flexionado no joelho da perna apoiada.

Esse exercício pode ser realizado 30 vezes de cada lado a cada dois dias, e não é aconselhável para quem tem algum tipo de problema na região cervical.

Leia também: Alimentos que contém Glúten

ABDOMINAL COM O APOIO

Nessa modalidade de abdominal a intensidade é bem maior do que o tradicional e deve ser executado com menos repetições.

Há vários tipos, escolha o que melhor se encaixa com o que você deseja.

Devido a tal dificuldade 10 repetições por dia já são satisfatórias para trabalhar os músculos de forma satisfatória.

É de bom tom utilizar uma cadeira para apoiar as pernas e deixá-las alinhadas com os joelhos. Com as mãos na nuca, faça o movimento de elevação, depois volte à posição inicial. É fundamental que as pernas fiquem paralelas ao solo e não mudem de posição.

Com esse movimento, os músculos da parte inferior e mediana do abdômen são fortificados.

Porém, como se trata de um movimento muito específico, que força bastante a coluna, pessoas que têm problemas de hérnia de disco não devem fazer esse tipo de abdominal.

Leia também: Exercícios para afinar a cintura

ABDOMINAL COM A PERNA ELEVADA

Esse tipo de abdominal é semelhante ao que é feito com apoio de uma cadeira, com a diferença de que as pernas devem ficar elevadas sem auxílio algum.

Abdominal com pernas elevadas.

A posição já é suficiente para forçar a parte inferior dos músculos abdominais.

Porém, quando o exercício começa de verdade, as musculaturas inferior, média e superior de nossa barriga são trabalhadas simultaneamente tornando esse tipo de abdominal, além de mais intenso, o que trabalha mais músculos.

De posse deste exercício bastante avançado devem ser realizadas apenas 20 flexões, para todas as pessoas, exceto as que não têm quaisquer tipos de problemas de coluna.

Quanto mais lentamente for feito o abdominal, maior será o resultado que o exercício resultará.

Desse modo podemos perceber que em verdade não é qualquer atividade física que leva perda da famosa “barriguinha” e que deve ser orientado por um profissional adequado, de preferência depois de um profissional competente da área.

Todos os textos anexos a este site devem ser discutidos com o seu treinador ou seu personal trainer e traçada a intensidade de acordo com a opinião abalizada destes.

A sua saúde é um bem preciso e deve ser tratada com tal, tanto quanto por você quanto pelos profissionais envolvidos em seu treino.

Trackbacks/Pingbacks

  1.  Crossfit emagrece mesmo? Dicas para iniciantes, cuidados e benefícios - Milla Pádua
  2.  10 passos de como perder peso: saiba tudo aqui! - Milla Pádua

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *